Arquivo para categoria Paraíso

Conhecendo a culinária indiana no Tandoor

Dia desses, conheci o Tandoor (já visitado pelo Samuel) e, apesar de não entender nada de comida indiana, gostei. Achei o restaurante honesto, a comida gostosa e o atendimento, eficiente.
Para começar, pedimos Vegetable & Chicken Samosa (R$ 12,90), os pasteizinhos indianos. Vieram 2 vegetarianos e 2 de frango. O pastel é grandinho, recheadão, de massa crocante. Eu curti mais o vegetariano, achei o de frango meio seco. Aliás, não gostei dos pratos com frango de lá. Os pedaços são muito massudos, secos demais. Para acompanhar os pastéis, chutneys de hortelã, tamarindo e papaia (R$ 5,00). Adooro o laranjinha (haha, não sei do que é).
De prato principal, dividimos o Non-Veg Thali (R$ 47,90), uma seleção de alguns pratos indianos. Tem frango, carneiro, lentilha, arroz (com especiarias), naan (pão indiano) e samosas. Curti bastante a lentilha, já que não gosto de carneiro e o frango, como falei acima, não é legal. Tudo muito cheiroso, bem temperado e apimentado na medida (suave, mas que faz esquentar a cara). O pão tb é muito bom. Feito na hora, chega quentinho à mesa.
Achei que a sugestão serve bem 2 pessoas. Não sei se é por causa dos pastéis que pedimos no começo, mas saí bem satisfeita.
Para beber, experimentei o Fruit Lassi (R$ 5,00), bebida típica indiana de iogurte natural com abacaxi. No primeiro gole, rola uma estranheza, mas depois, acostumei e achei gostosa. Quero experimentar a de maracujá.
Gostei do lugar. Já é a segunda vez que vamos. Na próxima, quero provar algo com peixe!

Tandoor – R. Dr. Rafael de Barros, 408 – Paraíso

Outros indianos:
Ganesh
Govinda

, , , , ,

6 Comentários

Meu novo árabe favorito: Halim

Quando passei em frente ao Halim, achei que o lugar estava lotado, mas não, era apenas a galera se amontoando no balcão para comer uma esfiha ou um quibe. O salão, bem amplo, até que estava vazio.
Para começar, pedimos o trio de pastas (babaganuche, homus e coalhada seca) por R$ 21,00. A porção de pão sírio é cobrada a parte. Tudo MUITO bom, principalmente o homus e a coalhada, mais cremosa e azedinha dentre todas que já comi. Geralmente gosto muito do babaganuche, mas dessa vez, ficou em segundo plano. A coalhada estava tão boa que pedimos mais uma porção a parte (R$ 8,00).
De prato principal, fomos de kafta no espeto (grelhada na brasa, temperada com salsinha e cebola), acompanhada de arroz com aletria (R$ 22,00). Boa, mas sem muitas surpresas.
Arnaldo ainda pediu uma esfiha aberta de carne e outra de queijo. Massa fina, borda mais altinha e o melhor, a carne tem gostinho de churrasco! A esfiha de queijo, recém saída do forno, estava boa tb, mas normal.
O atendimento não é simpático, mas funciona muito bem, é eficiente e ágil.
Para fechar a refeição, vá de doces árabes ou passe no Alaska, que fica ao lado.
Conta total: R$ 86,90 para 2 pessoas. Gostei muito, muito mesmo!

Halim R. Dr. Rafael de Barros, 56 – Paraíso

Mais árabes:
Habeb, meu amigo
Descobrindo Perdizes 7 – Almoço árabe bom e barato
Comida árabe sem fim
Saj: ótima experiência na Vila Madalena
Mama de comida árabe
Esfihas mágicas

, , , , , , ,

8 Comentários

Habeb, meu amigo

Hoje encontrei um lugarzinho bem bacana, o El Habeb. Eu não dei muito valor, de tão pequeno. Dentro tinha dois balcões e, na calçada, três mesas pequenas. Mas, abrindo o cardápio, começou a ficar interessante. Seleção de comidas árabes, com destaque para pratos rápidos, principalmente “os sanduíches”, feitos com pão árabe, enrolados com a aparência de um wrap.

chawarma

Pedimos um sanduíche de chawarma de carne, razoavelmente bom, e um de falafel, fantástico. Para aniquilar a gula, um quibe à moda, com cebola, hortelã, salsinha e cebolinha. Estava bom, mas tinha hortelã em exagero. Aliás, tudo tinha hortelã, o que dá um gosto peculiar à comida.

falafel

quibe

Para beber, um interessantíssimo suco de limão com águas de rosas, muito gostoso e com notas finais de… rosas! A dona também me trouxe um chá verde especial, com folhas de uma planta árabe impronunciável; era super amargo, mas gostei bastante.

suco de limão e rosas

Infelizmente não havia nem o chawarma de cordeiro (ouvi dizer que está em falta no mercado, mas não tenho certeza), mais tradicional, nem a esfiha disponível, apesar de ambos estarem no cardápio, e a comida demorou um pouco. Para compensar, o atendimento foi super simpático. Até rolou aula de história sobre o falafel, originário da região da Palestina.

chá

Os sanduíches custam na faixa de R$10. Conta total foi R$33 para duas pessoas.

Endereço: Esquina da Domingos de Moraes com a Eça de Queiroz – Paraíso – Tel: 5084-0797

, , , , , , , , ,

2 Comentários

Mais um do RW: Tandoor

Saímos esses dias para jantar e meu único requisito era que o restaurante não estivesse participando do RW. Para meu azar (talvez mais falta de atenção), chegamos na porta do Tandoor e este estava sim no evento. Bem, como já estávamos lá e o buffet não parecia ruim, ficamos.

A comida estava boa, mas com uma seleção conservadora. Entradas variadas que não empolgaram muito, naan (pão) com molhos sortidos, carneiro, camarão, legumes e arroz. A pimenta não fez nem cócega, mas compreensível, já que teria que agradar a todos os gostos ao mesmo tempo. De sobremsa, bolinho de leite servido quente com caldo de essências de rosas e sorvete de manga (bom, mas difícil de comer, de tão duro). Se, por um outro lado, foi bem melhor que a cara de Péfão do Govinda no outro ano, por outro, o esquema de buffet tambem não contribui para um clima mais intimista. Falando em intimidade, as mesas foram todas dispostas bem próximas às outras, provavelmente para caber mais gente, assim como a mesa do buffet. Ou seja, difícil de se locomover e uma mesa ouve a conversa da outra, não tão ruim se você gosta de interação.

O atendimento foi atrapalhado, demoravam para nos atender e esqueciam os pedidos. Em compensação, o dono conversou um pouco com a gente, contando que estava no Brasil há 30 anos e o amigo da mesa ao lado tinha uma loja em frente à dele lá na Índia.

Gosto muito do Tandoor. O caráter do lugar é fantástico, localizado em um casarão do Paraíso, parece uma sala de jantar bem grande e costuma ser tranquilo. Mas ficou descaracterizado no RW. Se você nunca comeu comida indiana, é uma boa oportunidade de conhecer. Caso contrário, vale mais a pena ir em um dia normal pagando só um pouquinho a mais (preço RW foi R$52).

Endereço: Rua Doutor Rafael de Barros, 408 – Paraíso

, , ,

1 comentário

Original da Granja: Galeto bom!

Eu já estava meio descrente na busca por um bom frango assado, mas aí descobrimos um restaurantinho que nem no Google não tinha muita informação!
Inaugurou no mês passado e se chama Original de Granja. E descobri que um dos sócios é o nadador Cesar Cielo! Dizem que ele até aparece lá de vez em qdo. Bom, eu não iria reconhecer anyway.

A restaurante é bem fofo. Muito melhor do que eu esperava. Algumas mesinhas ao ar livre na porta, e na area interna, ar-condicionado (ótimo nesse verão do demo) e decoração moderna, bastante luz natural, super agradável. O atendimento foi simpático e atencioso, nos explicou como funciona a casa e etc.

Bom, a especialidade da casa é o Frango, obviamente, mas tinha carne também. Nós pedimos 1 galeto desossado, vinagrete, polenta e farofa. Tudo bem apresentado, até o modo como cortam o frango é bonitinho! Pena que não tenho fotos.

Com as bebidas, a conta deu 48 reais, que divimos em 2. Mas a qtd de comida serviria fácil 3 meninas.

E sabe, achei o frango BEM gostoso! Superou as minhas expectativas! Nada de frango seco! =)

Super recomendo!

Endereço: Rua Pirapora, 222 – Paraíso.

Mais restaurantinhos na redondeza:

Carne para amantes do churrasco

Melhor Hamburguinho do muuundo!

Esfihas mágicas

, , , , ,

17 Comentários

Alaska: destino certo para fugir do calor

Feriado, 15h, relógio de rua marcando mais de 30ºC. Eu só queria enfiar a cara num sorvete gigante.
No meio do caminho, trocamos o America pelo Alaska e nos demos bem. A sorveteria estava lotada, óbvio, mas tivemos sorte, pois logo sentamos. Em compensação, os pedidos demoravam muito para chegar.
Enquanto isso, eu sonhava com o Espumone que havia pedido e ficava delirando ao ver outros sorvetes saindo do balcão. O Espumone (R$ 14,50) é uma torta de sorvete de creme e chocolate com cobertura de marshmellow, chantilly (matador!) e chocolate. Muito bom.
Saí rolando, jurando que não ia nem jantar. Mentira. Uma hora depois, eu tava implorando por outro. Comeria fácil. Sorvete não enche, né? Sorvete é vida.
O atendimento não é lá muito simpático. A tia do caixa então… mas tudo bem, depois de tanto açúcar gelado no calor do inferno, quem liga?

Alaska – Rua Doutor Rafael de Barros, 70 – Paraíso

, , , , ,

6 Comentários

Carne para amantes do churrasco

Se você é amante de carne mas não curte Churrascarias rodizio, você precisa conhecer o Laço de Ouro. 
Lá você escolhe um tipo de carne e ele vem no espeto, só p/ você. O garçom traz a carne tira as fatias e leva o restante de volta pra assar mais. Qdo ele vê que você está acabando, ele trás de volta. 
Da última vez que fui lá, pedimos uma picanha média que acompana arroz e fritas que custava R$ 62,00. Hummmm, as batatas também são muito boas. São aquelas batatas fritas cortadas em rodelas, meio grossinhas. Nham nham. Me deu fome! 
O ambiente é normal, nada demais. A casa que fica no Paraiso é mais nova que a da Aclimação, então consequentemente é mais agradável e bonita. A clientela é basicamente de tiozinhos classe média almoçando com colegas de trabalho, ou jantares de família durante a noite. 
Bottom line, o lugar é bom. O único problema é o preço, né? Com o couvert (pãozinho com gergelim e manteiga) e as bebidas, deu R$ 33,00 por cabeça. Se você gosta de carne até explodir, muitas opções e buffet de saladas não vale a pena. Pelo preço do Laço de Ouro, você encontra umas churrascarias meia-bocas por aí e come como se não houvesse amanhã. 
Endereços: Rua Pires Mota, 525 – Aclimação e Rua Tumiaru, 35 – Paraíso

Se você é amante de carne mas não curte Churrascarias rodizio, você precisa conhecer o Laço de Ouro

Lá você escolhe um tipo de carne e ele vem no espeto, só p/ você. O garçom traz a carne tira as fatias e leva o restante de volta pra assar mais. Qdo ele vê que você está acabando, ele trás de volta. 

Da última vez que fui lá, pedimos uma picanha média que acompana arroz e fritas que custava R$ 62,00. Hummmm, as batatas também são muito boas. São aquelas batatas fritas cortadas em rodelas, meio grossinhas. Nham nham. Me deu fome! 

Laco de ouroO ambiente é normal, nada demais. A casa que fica no Paraiso é mais nova que a da Aclimação, então consequentemente é mais agradável e bonita. A clientela é basicamente de tiozinhos classe média almoçando com colegas de trabalho, ou jantares de família durante a noite. 

Bottom line, o lugar é bom. O único problema é o preço, né? Com o couvert (pãozinho com gergelim e manteiga) e as bebidas, deu R$ 33,00 por cabeça. Se você gosta de carne até explodir, muitas opções e buffet de saladas não vale a pena. Pelo preço do Laço de Ouro, você encontra umas churrascarias meia-bocas por aí e come como se não houvesse amanhã. 

Endereços: Rua Pires Mota, 525 – Aclimação e Rua Pirapora, 215 – Paraíso

, , , , , , ,

9 Comentários

%d blogueiros gostam disto: