Posts Marcados guioza

Mais lamen!

Falando em lamen, recomendo o Lamen Kazu, na mesma rua do Porque Sim e do Sushi Yassu.
O lugar é pequeno (chegue cedo, enche rápido), arrumadinho, até que moderno para a região.
Lá, eu descobri que o lamen é, na verdade, de origem chinesa, mas se desenvolveu no Japão. E sim, o lamen do qual estou falando é parecido com o macarrão do miojo. Digo “parecido”, pq são iguais apenas na aparência. O lamen correto (pelo menos o servido no Lamen Kazu) é durinho e não aquela papa em que o miojo se transforma depois de 3 minutos.
Para começar, pedimos uma porção de guioza (5 ou 6 unidades, uns R$ 11,00, não lembro). Os pastéis são cozidos e passados na chapa. Massa fininha, mto boa. Problema é que veio com gosto de óleo.
São 3 tipos de caldo do lamen: a base de sal, shoyu ou misso (paste de soja). Pra mim, não havia dúvidas, misso na cabeça.
Fui de Misso Tyashu (com lombo cozido). Por R$ 25,00, chega uma tigelona de lamen, com lombo, broto de bambu, cebolinha, wakame e nori (algas). Achei tudo ótimo. Extremamente cheiroso! O lombo estava bom, mas gorduroso.
Para um lamen pode parecer caro (bom, é mesmo), mas os ingredientes são de ponta, tudo é fresco e feito com qualidade.
É comer e sair andando. Não dá para passar horas no local. É apertadinho e tem mta gente chegando.
Adorei e recomendo!

Lamen KazuR. Thomaz Gonzaga, 51 – Liberdade

, , ,

7 Comentários

Gororobas orientais

Eu sei que o blog tem mto post de lugares orientais, mas eu preciso falar do Benkey Teppan House.
Logo no corredor de entrada, há uma cozinha “transparente”. Sim, entre aspas, pq o vidro já é todo respingado de gordura e a cozinha, esfumaçada, né?
No andar de cima, onde estão as mesas, o lugar fica menos feio. É até arrumadinho, se vc não reparar mto nos detalhes! Adorei as luminárias em formato de lâmpada!
Resolvemos sair do lugar-comum e comer coisinhas diferentes: kimuchi-buchim (pizza coreana com frutos do mar), topoki (moti com molho apimentado médio) e, tá, ok, guioza pq ninguém é de ferro.
O guioza na chapa estava mto bom! Forte, mas gostei! A pizza coreana é uma mistureba de coisas indefinidas, mas olha, era bem boa! Sério! Agora o tal do topoki… achei esquisito. O moti (iguaria feita de arroz) fica borrachudão e o nível médio de pimenta já estava insuportável!
Nossa conta deu R$ 25,50 (com bebidas). Dividimos tudo em 2 e comemos mto bem! Não há taxa de serviço, pois vc mesmo pega a comida.
Ainda não aceitam cartão e o serviço é um pouco demorado, mas vale a pena conhecer! No mínimo, um programa diferente e divertido, hehue.

Benkey Teppan House – R. dos Estudantes, 28 – Liberdade

,

3 Comentários

Guioza, cadê vc? Eu vim aqui só pra te comer!

Desde que fiquei órfã da barraca de guioza da Liberdade, tô inconformada. Não tinha erro. Passado na chapa, tinha massa boa, era gigante e podia ser acompanhado de vários molhos. Se desse sorte, até batatinha de salada tinha! Só achava que o cheiro e sabor do nirá (cebolinha japonesa) eram fortes demais, mas isso não impedia que eu comesse uns 4 toda vez que ia na feira. Lembro que, por R$ 2,50 a unidade, eu me empanturrava.
Para matar a vontade, fui ao Tai Chi Guiozaria no fds econômico.
A casa é especializada em massas e pratos típicos chineses. O cardápio é bem trash, feito no Word. A parte de trás do cardápio está em chinês, com apenas alguns pratos traduzidos (tipo o de bucho). O engraçado é que, pelo menos esses traduzidos, não constam no cardápio em português! Ou seja, é o menu exclusivo da máfia com iguarias de gafanhoto e escorpião!
Eu queria muito ter experimentado uma tal de pizza chinesa, mas o Arnaldo dispensou! Pedimos, então, meia porção de guioza de carne suína na chapa (6 unidades). Eu achei que vieram fritos e não na chapa, mas ok, estavam bons. Podia comer bem mais.
Como prato principal, fomos de carne com curry e arroz coloNido (era assim que estava no cardápio), tipo chop suey.
O curry estava aguado, tinha cebolas gigantes, pouca carne e uma quantidade infinita de ervilhas. Em compensação, não posso reclamar do preço. Saiu tudo R$ 35,00!
Na nóia desesperada de comer guioza, vale a pena, mas não bate o da Liba. Nem de longe.

Tai Chi GuiozariaAv. Rouxinol, 491 – Moema

, , ,

11 Comentários

%d blogueiros gostam disto: