Posts Marcados massa

Nunca é tarde: o polpettone do Jardim de Napoli

Finalmente, conheci o Jardim de Napoli no sábado passado. A caminho do local, lá pelas 13h, fiquei com medo da fila quilométrica que poderia pegar, mas acho que isso é mal de almoço de domingo, pois o restaurante até que estava tranquilo (= algumas mesas desocupadas).
Os garçons são muito atenciosos. O serviço é eficiente e rápido. O lugar tem cara de cantinão mesmo, para resumir a descrição.
O couvert é simples, composto de pães italianos e manteiga (R$ 7,00).
De prato principal, claro, pedimos o polpettone alla parmigiana (R$ 40,00) e conchiglione recheado de 4 queijos ao sugo (R$ 36,00) para dividir entre 2 pessoas. Como se vê na foto, parece uma coisa só de tanto molho. E é assim que eu gosto. MUITO molho, muito queijo, tudo boiando, haha.
Na verdade, eu não tenho muito parâmetro para polpettones, pois é um prato que peço pouco (= nunca) nos restaurantes italianos, mas tenho que dizer que achei esse muito bom. O que mais gostei foi da ‘casquinha’ crocante que fica por fora da carne.
Dá para comer bem, mas não se engane, não é aquela meeeega fartura a qual estamos acostumados em algumas cantinas. Uma carne + uma massa servem bem a um casal, mas vc não vai sair rolando ou levar marmita para casa.

Algumas considerações: eles não aceitam cartões Visa e o serviço de manobrista, que até então era gratuito, foi terceirizado e agora estão cobrando R$ 10,00.
Agora existe a versão ‘express’ da cantina no shopping Higienópolis (vi que vai abrir em algum outro, mas não lembro qual). Segundo a Lu, é a mesma emoção.

É uma ótima dica para o dia dos pais, só fico imaginando a fila de espera…

Jardim de NapoliR. Dr. Martinico Prado, 463 – Higienópolis

Seu pai também pode gostar do:
Templo da Carne Marcos Bassi
Degas
Shintori
Laço de Ouro
Lellis Trattoria

, , , , ,

4 Comentários

Descobrindo o Itaim no almoço 5: Millesapori

Com dica do Ariel, que deixou um comentário aqui, fui conhecer o Millesapori, um pequeno restaurante italiano de proposta bastante interessante.
Mal entrei no lugar e o proprietário, muito simpático, já foi falando o que servia no dia.
O restaurante oferece algumas combinações de refeição, da mais simples à completa, com preços diferentes.
A opção mais básica, de R$ 22,00, inclui prato principal, bebida e café. Fui de menu completão, que custa R$ 35,00, com entrada, bebida, prato principal (e repeteco!), sobremesa e café. Existem outras combinações, mas não lembro dos detalhes.
O menu muda todo dia, pelo que entendi. Quando fui, havia, de entrada, uma bruschetta de tomate, uma fatia de mortadela e um pequeno pedaço de melão. De prato principal, penne com 2 opções de molho. Escolhi pomodoro com filetes de berinjela.
Estava incrivelmente bom. Molho de verdade, bem temperado, um sabor ardidinho (que eu não sei de onde vinha, talvez da berinjela) que era muito gostoso.
De sobremesa, morangos ou sorvete de iogurte, crocante ou chocolate.
O lugar é pequeno, a comida e o atendimento são ótimos, então enche com facilidade.
Eu só acho que o repeteco tinha que ser mais generoso. Sei lá, sou ogra, achei pouco.
Outra notícia boa é que não cobram serviço!
O Millesapori só funciona das 11h30 as 15h, de segunda a sexta-feira. Vale muito a pena conhecer.

Millesapori R. Pedroso Alvarenga, 1177 – Itaim

Trabalha no Itaim? Conheça:
Mezzo Giorno
Mabella Steakhouse

, , , , , ,

1 comentário

Jantar especial em italiano tradicional

Na noite do dia (dã) dos namorados, escolhemos um lugar bastante tranquilo, reservado e silencioso… o italianão Lellis Trattoria, huahu. Como não estavam fazendo reservas, tentamos a sorte. Chegamos umas 20h e já havia espera, lógico. Aguardamos uns 30 minutos e pegamos uma mesa até que sossegada, sem passa-passa de gente.
Para começar, tem couvert (R$ 7,00) com azeitonas pretas bem rechonchudas, sardela, berinjela, manteiga, pão italiano. Caiu muito bem depois da espera.
O cardápio é imenso. Não curto cardápios imensos. Vc fica na dúvida do que pedir e parece que sempre vai ter algo melhor do que aquilo que vc escolheu. Sei lá, coisa de pobre.
Pedimos uma porção de batatas portuguesas (R$ 20,50). Viemos a descobrir, qdo chegaram à mesa, que são batatas chips, mas caseiras.
Como eu estava na nóia de funghi, pedimos Penne Alla Creme com funghi seco (R$ 68,50). Vc escolhe a massa e paga pelo molho. As porções são bem, BEM grandes. Servem 2 pessoas (e até 3 menos ogras) facilmente. Eu curti, mas senti falta de uma cobertura gratinada para ficar perfeito.
De sobremesa, um tiramisù mais ou menos. Muito caldo.
Para uma casa lotada, o atendimento se mostrou eficiente. Não é simpático, mas se saiu bem. Apesar de ter errado nosso prato principal (haha), o garçom não deixou faltar nada. Mesmo com o restaurante cheio, em nenhum momento tentaram nos expulsar. Acho que os garçons estavam mais preocupados em servir mesas do que limpá-las.
Olha, eu voltaria fácil, principalmente pq tem MUITA coisa para experimentar e tudo parece bom!
A casa tem serviço de manobrista que, soube depois, é gratuito. Não o utilizamos para confirmar essa informação.

Lellis TrattoriaR. Bela Cintra, 1849 – Jardim Paulista

Mais italianões:
Funiculí – funiculá, funiculí – funiculá
O Italiano Tranquilo
Overdose italiana

, , , , , ,

Deixe um comentário

Comida honesta do vovô italiano

Durante o mês de janeiro, o Nonno Paolo promove seu festival de saladas. O restaurante, de ambiente familiar, me pareceu ser mais conhecido por suas pizzas, mas, para aproveitar a época, começamos com a salada completa (R$ 25,00).
O prato é bem servido para 2 pessoas. Tem folhas verdes, palmito, tomate, presunto e mussarela, cenoura, vagem, brócolis, ovo, ervilhas. Não é daquelas saladas chiques. É a típica de restaurante-família, cheia de coisas, em que o palmito, o ovo e o presunto/queijo são motivos de disputa.
Como eu não estava com muita fome, bastou. O Arnaldo ainda pediu uma pizza individual (R$ 23,00, 4 pedaços): meia alho poró e meia calabresa/mussarela/parmesão. A massa da pizza é mto boa. Fina, chegou à mesa bastante crocante! A cobertura de alho poró é mediana (tb, queria inventar). Já a de calabresa se mostrou mais gostosa (tb, mais gordão).
Além das pizzas e saladas, o Nonno tb serve massas, pratos com carne, peixes etc.
Lugar honesto, comida boa, atendimento simpático (apesar de que vieram perguntar umas 3x o que eu ia beber).
Acho que deve ser um restaurante bem conhecido pelos moradores da região. Já tínhamos ouvido que a pizza era boa… e é mesmo.

Nonno PaoloRua Abílio Soares, 836 – Paraíso

, , , ,

Deixe um comentário

Chinês Top 1 2008, até o momento.

Eu não sou muito fã de comida chinesa. Sempre acho que parece a comida de casa, então pra que sair pra comer?

Mas…. O que eu gosto da comida chinesa, e gosto MUITO, é da parte de massas. Gyozas, bolinhos, panquecas… (Nao sao os nomes mais apropriados, mas nao existe outra tradução em portugues).

Então, considerando isso, achei o meu mais novo restaurante chines favorito!

O restaurante se chama Jardim meio hectare (???) e fica ao lado do Karaoke Porque Sim (que aliás têm uma comida ótima tb).
Massa chinesamassinhaEu já conhecia o restaurante, mas esse ano achei um prato novo, que é tipo uma panqueca frita e vc embulha uns pedaçinhos de carne de porco defumada com cebolinha e molho.
MEU…. É muito bom, de verdade. É bem simples, mas no momento é o prato que eu mais gosto, do MUNDO!

Os demais pratos também são bons… Mas também nada excepciofrutos do marnal. O local é limpinho, o Bifumatendimento é menos mal que os outros restaurantes, e o preço é a média dos restaurantes chineses, ou seja, baratinho.

O esquema de restaurante chinês é ir de galera, pelo menos umas 6 pessoas. Assim, vc consegue pedir vários pratos e provar tudo, e pegar uns 15 reais por cabeça. Muito bom custo/benefício.

Rua Tomas Gonzaga, 65 – Liberdade.

Mais comida chinesa:
Chi Fu Grandão!
Comida chinesa fora da Liberdade
Guioza, cadê vc? Eu vim aqui só pra te comer!
Quadrado mágico da Liberdade
Chines limpo, bonito e barato! Existe!
Chineses: Chique VS Chique

, , , , , , , , ,

2 Comentários

Overdose italiana

O Nello’s é um italiano honesto, tradicional, de ambiente familiar e bons pratos. A casa é adepta do slow food, mas não, a comida não demora. Pelo contrário. Por ser feita na hora, até que vai bem rápido, mas vc sim, pode demorar o quanto quiser.
Lá, vc escolhe o molho (é isso que define o preço) com uma massa. Existem 2 tamanhos, individual e para 2. Vá do menor mesmo que tá bom.
Das vezes que fui, sempre pedi massa à Paesana (R$ 20,50): tiras de filé mignon, brócolis alho e óleo e cebolonas. É tudo isso aí misturado. E é mto bom e bem temperado!
A história do restaurante e da família ocupa boa parte do cardápio! Eu sempre quero ler, mas fico com preguiça. Sei que tem alguma coisa a ver com cinema (!). Além disso, eles contam que, na cozinha, não entram latas de molho, nem forno de microondas!
Agora, a melhor parte. Eu, querendo ser A italiana na hora da sobremesa, pedi (às cegas) pastiera de grano duro. Bom, não me perguntem o que é, mas era bom, cheiroso e grandão! Para meu APURADO paladar, era uma torta quentinha com frutas cristalizadas e grãozinhos, haha! Virei fã!! Depois dessa, da pezza dolce, do tiramisù, do sorvete italiano e da pizza de banana com chocolate (haha), já posso dizer que manjo MTO de doces italianos!
Durante a semana, o lugar oferece, ainda, pratos do dia a uns R$ 15,00 e, a noite, pizzas!
Na sexta do feriado, o restaurante estava vazio, mas no fds costuma lotar! Vale a pena conferir. Entra na lista dos “ir sempre”.

Nello’s – R. Antônio Bicudo, 97 – Pinheiros

, , ,

3 Comentários

%d blogueiros gostam disto: